Sites Grátis no Comunidades.net
Translate this Page
Enquete
Quantas vezes você já leu um Livro?
1 ou 2
5 ou 6
Leio muito
Nunca li um Livro
Pretendo Ler
Ver Resultados

Rating: 2.6/5 (397 votos)




ONLINE
2





Partilhe esta Página



 


 

 

 

 


Caminho de Emaus
Caminho de Emaus

CAMINHO DE EMAUS

Emaús atualmente é uma cidade  de localização incerta. Seu nome significa “riacho quente” e alguns arqueólogos a identificam com Qubeibeh, cerca de 11 km a noroeste de Jerusalém. Quando os Cruzados chegaram nesta localidade em 1099, encontraram ali um forte do período romano denominado Castellum Emaús.

Conhecer a localização da cidade de Emaús é importante, porém, não conhecê-la não abala a veracidade dos fatos ali ocorridos. O que está escrito, é lição para todos os tempos, lugares e circunstâncias.

Digamos que Emaús seja mesmo esse território desconhecido e misterioso para a arqueologia. Assim também é misterioso e incerto o terreno do nosso coração.

É maravilhoso poder conhecer as Escrituras Sagradas, pois são elas que nos trazem o conhecimento da verdade que nos liberta do mal e nos faz mais que vencedores. A Palavra de Deus tem um poder sobrenatural, capaz de mudar a vida de qualquer pessoa, seja ela quem for: um bandido, um médico, uma prostituta, um rei, um mendigo etc. Ao ouvir a Palavra de DEUS, o homem nunca mais será o mesmo.

É triste o dia em que vamos à Igreja e saímos sem ouvir a voz de Deus.

A Bíblia, em Lucas 24.13 -35 nos traz sete grandes lições do dia em que dois discípulos encontraram Jesus no caminho de Emaús. O texto diz que eles caminhavam juntos, conversando sobre Jesus e faziam perguntas um ao outro.

 

1ª. A PRIMEIRA LIÇÃO É: Porque eles não reconheceram Jesus?

Jesus havia ressuscitado e a cidade de Jerusalém estava em alvoroço ainda por ocasião da crucificação.

O Messianismo de Jesus estava sendo questionado por conta de Sua crucificação e morte. A esperança de um libertador para Israel, havia sido frustrada, o que fazer?

A caminho de Emaús, Cléopas discutia justamente isso com um companheiro quando Jesus se aproxima e pergunta: “Que é isso que vos preocupa e de que ides tratando à medida que caminhais? Eles pararam entristecidos”  e um tanto aborrecidos pela “desinformação” do “desconhecido” retrucam: “És o Único que não sabes o que está acontecendo nessa região, mataram Jesus, varão poderoso em obras e em palavras”. (24:17-19).

O que mais chama atenção no texto é o fato deles, sendo discípulos de Jesus, tendo convivido com Ele, não O reconhecerem.

- Por que isso acontece?

 

2ª. A PRIMEIRA LIÇÃO É: Se quisermos ouvir Jesus, temos que estar meditando, conversando e interessados em saber mais sobre Ele.

Foi por isso que Jesus se juntou a esses discípulos no caminho de Emaús. 

 

3ª. A SEGUNDA LIÇÃO É: Quando estamos na companhia de Jesus, Ele nos faz entender sua Palavra.

- Lc 24:25: “Ó néscios e tardos de coração para crer tudo o que os profetas disseram!”

Ao dizer isso, Jesus começou a lhes explicar o que toda a Escritura dizia, desde Moisés, os profetas e a parte que falava sobre Ele. 

 

4ª A TERCEIRA LIÇÃO É: A presença de Jesus torna o ambiente agradável.

- Lc 24.29: “Fica conosco, porque já é tarde, e já declinou o dia”.

Os discípulos, mesmos sem ainda perceberem que aquele homem que conversava com eles era o Mestre Jesus, desejavam sua companhia. 

 

5ª. A QUARTA LIÇÃO É: Jesus sempre aceitará o convite para entrar em nosso lar e participar de nossa vida.

- Lc 24.29-30: “E entrou para ficar com eles. E aconteceu que estando com eles à mesa, tomando o pão, o abençoou e partiu-o e lho deu”. 

 

6. A QUINTA LIÇÃO É: Jesus é capaz de se revelar a nós a qualquer momento da nossa vida, desde que os nossos corações estejam voltados para ele.

- Lc 24.31: “Abriram-se então os olhos e o conheceram”. 

 

7. A SEXTA LIÇÃO É: Quando Jesus fala conosco faz arder o coração. Não tem como ficarmos indiferentes à sua presença.

- Lc 24.32: “E disseram um para o outro: Porventura não ardia em nós o nosso coração quando, pelo caminho, nos falava e quando nos abria as escrituras?”

 

CONCLUSÃO

- Que nosso encontro com Jesus seja também como o encontro dos discípulos no caminho de Emaús.

Que nosso encontro com Jesus seja também como lição para nos alcançar quando: estivermos perdidos em preocupações, ansiedades, aflições e incredulidade.

Que nosso encontro com Jesus seja também “no partir do Pão”, para sermos saciados pelo Pão da vida que é Jesus.

Que nosso encontro com Jesus seja também para que Ele ouça dos nossos lábios o convite: “Fica conosco amado Mestre, precisamos de Ti.

É motivo de darmos Graças a Deus por sua Palavra que nos faz conhecer o Senhor e Salvador de nossas almas: o querido Mestre Jesus que esteve com os dois discípulos no caminho de Emaús e nos deixou esta promessa:

- Mt 18.20: “Porque onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles”.